COVID-19

UPA de Gurupi normaliza atendimento para contaminados de baixa complexidade

Cilindros com carga foram disponibilizados no final da manhã de quinta (11)

12/03/2021 13h13
Por: Redação
71

A secretaria de Saúde de Gurupi informou no início da tarde desta sexta-feira (12) que 20 (vinte) cilindros de oxigênio já estão disponíveis para atender os pacientes de Covid-19 que estão internados na Unidade de Pronto Atendimento.

A Nota informa que não chegou a faltar o gás. Identificou-se o risco na noite de quarta-feira (10) e que “a transferência dos pacientes foi uma medida preventiva”. A reposição do gás aconteceu na quinta, ao final da manhã, e a quantidade é suficiente para atender a demanda na UPA.

Na quinta-feira (11) a diretora geral do Hospital, Cristiane Costa Uchôa, e o diretor técnico, Olegário de Souza Lima, chegaram enviar um ofício à secretaria municipal de Saúde onde solicitando a transferência dos pacientes (os sete que haviam sido levados na noite anterior) para a UPA. No documento, o HRG informa não haver condições de responsabilizar-se e atender com segurança os pacientes.

Na nota desta sexta-feira a secretaria municipal informa que os pacientes permanecem no HRG, “mas com os equipamentos e auxílio dos profissionais da Secretaria Municipal de Saúde”, afirma o documento. (Confira, abaixo).

NOTA

A Secretaria Municipal de Saúde de Gurupi ressalta que nunca houve falta de oxigênio na Unidade de Pronto Atendimento, que a transferência dos pacientes foi uma medida preventiva para que não corresse o risco de falta, devido a fornecedora não ter entregado o material.

A reposição de estoque foi feita no final da manhã desta quinta-feira, 11, e 20 cilindros estão garantidos e são suficientes para atender a demanda de baixa complexidade.

Os pacientes que foram transferidos para o Hospital Regional de Gurupi permanecem na unidade, mas com os equipamentos e auxílio dos profissionais da Secretaria Municipal de Saúde.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.