OFICINA

Projeto Sesc Arte da Palavra - Circuito de Criação, oferece oficina de minilivros

As inscrições são gratuitas e vão até o dia 22 de abril

01/04/2021 08h36
Por: Redação
29
Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa

O projeto Sesc Arte da Palavra – Circuito de Criação, chega ao Tocantins com uma oficina de Minilivros (encadernação nano), que será realizada pela poeta, artista visual e artesã, Cláudia Gonçalves (RS), entre os dias 26 e 30 de abril, das 14h às 17h. Devido a pandemia o curso será feito pelo Google Meet. As inscrições são gratuitas e vão até o dia 22 de abril. Quem tiver interesse pode participar por meio do link https://bit.ly/3djQh34. A idade é a partir de 15 anos e são oferecidas apenas 15 vagas.
 
Entre os dias 26 e 30 de abril o Sesc Tocantins irá promover o projeto Sesc Arte da Palavra – Circuito de Criação, com a oficina de Minilivros (encadernação nano). A poeta, artista visual e artesã gaúcha, Cláudia Gonçalves irá ensinar a arte de construir minilivros, que poderão ser escritos e ou ilustrados. O principal objetivo é, sobretudo, estimular a criação; exercitando os sentidos, a concentração, a motricidade fina e o interesse pelo objeto-livro. “Na era da leitura rápida, em que tablets, smartphones e livros digitais ganham cada vez mais espaço, a ideia é não deixar que o encantamento do manuseio do livro se perca. É incrível como o aluno se envolve com o corte preciso, das minis páginas, a confecção da capa, o cuidado com a letra e ilustrações. Por serem tão pequenos, prende a atenção, fazendo com que o participante perceba a importância da conexão com o livro”, explicou Cláudia Gonçalves.
 
A oficina de Minilivros (encadernação nano) vai acontecer pela plataforma Google Meet entre os dias 26 e 30 de abril, das 14h às 17h, para interessados em literatura, escritores, professores, artesãos e estudantes, acima de 15 anos. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas pelo link https://bit.ly/3djQh34 até o dia 22 de abril. Vale lembrar que a inscrição é gratuita.
 
Para a oficina será necessário: cola branca, folha A4 branca e colorida em cores fortes, papelão, estilete grande com lâmina nova, tesoura, lápis, régua, pincel, borracha, lápis de cor, giz de cera, caneta escrita fina, retalhos de tecido, barbante, fitas e sobras de renda, além de um ambiente silencioso e claro com mesa com tampo de vidro ou placa para corte com estilete.
 
Cláudia Gonçalves (RS)
É produtora cultural, poeta, design de produtos literários e artesã. Coordenadora Editorial do Proyecto Cultural Sur/Brasil e Coordenadora do Projeto, “Poeta, mostra tua cara na escola”. Foi assessora de coordenação do Congresso Brasileiro de Poesia, trabalhando diretamente na produção do evento por onze anos.
 
Integrou o grupo, “República da Poesia”, que coordenava um sarau mensal em Porto Alegre-RS. Fez parte do movimento, “Poetas Pela Paz e Justiça Social”, idealizado pela Editora Alcance-RS.
 
Atualmente, parte das suas criações é desenvolvida no atelier próprio, “ArtNano” e faz um trabalho direcionado às escolas do ensino público, integrando dois projetos do Sesc: um estadual, “Sesc Mais Leitura” e um nacional, “Arte da Palavra”.
 
É membro da Casa do Artesão de Porto Alegre, da Casa do Poeta Rio-Grandense, da Casa do Poeta Camaquense e Cônsul do movimento, “Poetas del Mundo”, Porto Alegre - RS.
 
Ministra oficinas (talleres-workshops) de encadernação nano e cartonagem em: bienais, feiras de livros, congressos, escolas, ONGs e centros culturais (presencial e on-line). Até o momento, o trabalho já foi desenvolvido em vários estados brasileiros e nos seguintes países: Uruguai, Colômbia e Chile.
 
Em sua trajetória poética, tem algumas parcerias musicais, participou de 56 antologias, tem poemas publicados em sites, jornais, revistas, e-books, entre outros.
 
Muitos foram traduzidos para o inglês, o italiano o espanhol e o francês. Tem trabalhos publicados em Portugal, Moçambique, Argentina, Peru, Colômbia e Chile.
 
Arte da Palavra
O projeto Arte da Palavra – Rede Sesc de Leituras é um circuito atuante em todas as regiões do país que estimula a formação de leitores e a divulgação de novos autores, além de valorizar obras e escritores brasileiros e as novas formas de produção e fruição literária. Com um circuito de autores e outro de apresentações que privilegiam a oralidade, pretende-se que diversas possibilidades de manifestações literárias sejam contempladas. Como ação de complemento formativo, é oferecido também um circuito voltado para a reflexão e criação literária. Em curadoria coletiva, realizada por especialistas do Sesc de todo o país, são selecionados os artistas que participam do projeto.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.