DESESTATIZAÇÃO

Ministério da Infraestrutura projeta mais R$ 84 bilhões em investimentos ainda em 2021

Meta da Pasta é chegar ao fim de 2022 com R$ 260 bilhões garantidos para aprimorar a infraestrutura brasileira

11/04/2021 19h55
Por: Redação
152

A semana passada foi dedicada à concessão de 28 empreendimentos à iniciativa privada e a contratação de R$ 10 bilhões em investimentos. Agora o Ministério da Infraestrutura projeta a realização de outros 22 leilões e mais R$ 84 bilhões de aporte financeiro no setor de infraestrutura.

Somado ao que já foi concedido desde 2019, o total de investimentos até dezembro deste ano deve chegar aos R$ 138 bilhões. “O investidor está mirando o longo prazo e vendo oportunidades no Brasil, vendo que o país tem muito potencial de crescimento, com bons ativos, com uma estruturação de projetos sofisticada, endereçando riscos por meio do contrato, por meio da matriz de risco, e que os projetos acabam oferecendo taxas de retorno que são atraentes em relação a outras opções que nós temos no mundo”, analisou o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

O próximo empreendimento concedido à iniciativa privada será a BR-153/080/414/GO/TO, com leilão agendado para o dia 29 deste mês, novamente na B3, em São Paulo. Um trecho de mais de 850 quilômetros, entre Anápolis (GO) e Aliança do Tocantins (TO), que receberá um aporte de mais de R$ 8 bilhões de investimentos em um contrato de 35 anos. Outra rodovia já com leilão marcado – 8 de julho – é a BR-163/230/MT/PA, com mais R$ 2 bilhões de investimentos. Ambas impactando diretamente na melhora da logística do agronegócio do Centro-Oeste do Brasil.

Ainda em rodovias, devem ocorrer três importantes concessões ao longo do ano: o da Dutra (BR-116/101/SP/RJ), com R$ 14 bilhões de investimentos projetados, o da BR-381/262/MG/ES, com mais R$ 7,2 bi, e o das Rodovias Integradas do Paraná, com mais R$ 42 bilhões.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.