premiação

Paratletas do TO se destacam em competição em Minas Gerais

Os paratletas Dayce Silva, Cláudio Novaes e Marden Marinho representaram o Tocantins.

23/11/2021 09h34
Por: Redação

Três paratletas do Estado foram destaques no Torneio Internacional de Tênis em Cadeira de Rodas, realizado no Praia Clube, em Uberlândia- MG, entre os dias 18 e 21 deste mês. Os paratletas Dayce Silva, Cláudio Novaes e Marden Marinho viajaram com o apoio do Governo do Tocantins, por meio da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), que concedeu passagens aéreas.

Apesar de estreante no Torneio da Federação Internacional de Tênis (ITF), Dayce Silva conquistou o troféu de campeão de duplas na categoria Quad, ao lado de Leandro Pena, de São Paulo. O paratleta também chegou à semifinal dos jogos de Simples.

Cláudio Novaes e Mardem Marinho conseguiram somar pontos importantes no Torneio Uberlândia Wheelchair Tennis Open, na categoria Open. Com a pontuação, eles conseguiram entrar no Ranking Internacional da ITF.

O evento reuniu competidores de todo o país. Primeira participação com destaque na competição, Marden Marinho, pessoa com deficiência desde criança em virtude da poliomielite, destacou a importância do incentivo do Governo do Tocantins, pois eleva o nível da modalidade no Tocantins.

“Fomos atendidos por meio de solicitação da Federação Tocantinense de Tênis e agradecemos muito esse apoio. O esporte carece desse incentivo, pois garante a participação em eventos fora do Estado. Que essa ajuda continue, porque já estamos na expectativa do calendário internacional, que deve ser divulgado em janeiro. A nossa intenção é disputar pelo menos duas competições em países da América do Sul”, afirmou.

Desafio em Santos

Nesta terça-feira, 23, os três paratletas embarcam para Santos- SP, mais uma vez com o apoio da Seduc, para representar o Tocantins em mais um Torneio Internacional  (Wheelchair Brasil ITF  Tennis Internacional 2), desta quinta-feira, 25, a domingo, 28.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.